Nenhum resultado encontrado

    Diana - Sem Barulho

    O disco de 1976 foi o último pela Polydor, e foi bem diferente dos demais desde a parte de regência, letras (com compositores diferentes dos outros discos, como: Piska, Fernando Sancho, Paulo Debetio e Paulo Coelho) e principalmente pela voz de Diana que pareceu bem mais grave que em qualquer outro projeto (de acordo com alguns blogues a gravação do disco coincidiu com a época de gravidez da cantora, o que justifica a mudança de voz). A única música lembrada do projeto foi "Sem Barulho (Humblement) (Georges Moustaki / Vrs: Paulo Coelho)". Confira!
    Faixas: Sem Barulho / Sangue nas Veias / Balanço Manuêh / Tesouro Escondido / Hoje Que Você Disse Adeus / Fato Consumado / Estado de Graça / Medo / Quebra Cabeça / Deixa o Sol Entrar na Sua Casa / Evolução / Tudo Vai Dar Certo
    Anterior Próxima